Publicidade

Fate: A Saga Winx revela o maior mistério de Bloom

A identidade de Bloom é revelada em Fate: A Saga Winx

Publicidade

Fate: A saga Winx, revelou em sua segunda temporada a identidade verdadeira de Bloom. Com isso estabeleceu uma nova direção para a 3ª Temporada da série no mundo comum. As principais histórias dos personagens giram em torno dos protagonistas aprendendo sobre a verdade oculta e complicada sobre suas histórias. Os personagens, ficam surpresos ao verem o mundo da magia de onde nasceram.

Dessa forma, o final da primeira temporada de Fate: A saga Winx revela que Bloom possui um poder mágico antigo chamado Chama do Dragão. Na série animada Winx Club, a Chama do Dragão é um restante do Grande Dragão, a criatura que deu vida a toda criação. A chama do Dragão foi associada à família real do planeta Domino e finalmente é destruída por um vilão chamado Darkar, um malvado inimigo do Grande Dragão.

Publicidade

Assim, a Chama do Dragão foi preservada pela Princesa Bloom, que escapou da destruição de Domino. A série é diferente de sua inspiração animada, no entanto, até agora não houve nenhuma menção à Domino. Foi revelado finalmente na temporada atual, a identidade de Bloom, e com isso, criou algumas reviravoltas importantes para 3ª temporada da série.

A verdadeira identidade de Bloom se revela em Fate: A saga Winx

Publicidade

A primeira temporada de Fate: A saga Winx, revelou que Bloom foi uma das poucas sobreviventes de Aster Dell, uma vila de Bruxas de Sangue massacradas por fadas. O ataque foi liderado pela poderosa fada Rosalind, não se sabe as razões, e ela foi presa por causa de suas atrocidades que cometeu em Aster Dell.

Contudo, a 2ª temporada da série, contou mais sobre a história, porém, revelando o motivo do ataque, que foi porque Rosalind cobiçou a Chama do Dragão. Agora livre de sua prisão, Rosalind então, se colocou no lugar de nova diretora de Bloom e tentou manipulá-la como uma arma conta as Bruxas de Sangue.

A Chama do Dragão foi vista pela última vez há mil anos, quando usá-la ameaçaria destruir toda Alfea. Rosalind parecia incerta, porque a Chama do Dragão havia retornado nos dias atuais. Porém, o Bruxo Sangrento Sebastian foi capaz de preencher as lacunas que ficaram vagas em Fate: A saga Winx.

Publicidade

Certamente, você vai querer ler:

> Tudo sobre a 3ª Temporada de Fate: A Saga Winx

Publicidade

Bloom nasceu mil anos atrás, herdando o poder da Chama do Dragão de sua mãe. Percebendo que Bloom compartilhava o poder destrutivo que ela possuía, sua mãe escolheu colocar Bloom em estase mágica. As Bruxas de Sangue de Aster Dell encontraram o bebê, e levaram Bloom para cuidar. Por sua vez, a jovem se tornou alvo de Rosalind.

Não está claro o que a mãe de Bloom esperava alcançar, mas o fim da segunda temporada, deu indícios que em breve teremos as respostas. Bloom faz uma viagem para o Reino das Trevas, que parece ser algum tipo de dimensão de vida após a morte, e lá confrontou uma mulher que ela acredita ser sua mãe, dando mais uma história para a ser desvendada em Fate: A saga Winx

Publicidade

A verdadeira identidade de Bloom moldará o destino da série

Fate: A saga Winx pode revelar a verdadeira identidade de Bloom
Imagem: Divulgação/Netflix

As duas primeiras temporadas da série tiveram foco na conexão de Bloom com Aster Dell e as Bruxas de Sangue, porém, essa história agora parece ter sido contada. A jornada de autodescoberta de Bloom agora a levou ao Reino das Trevas, com a série sugerindo que há uma conexão misteriosa entre sua versão da Chama do Dragão e este enigmático plano de existência.

O showrunner Brian Young, apoiou a interpretação. Ele explicou:

Publicidade

” O objetivo é responder o que é o Reino das Trevas? Como Bloom e sua mãe estão conectadas a isso? Além disso, como isso se conecta à nossa grande mitologia geral, da qual polvilhamos um pouco na segunda temporada.”

É como a versão de Fate: A saga Winx de Darkar, também estivesse conectada ao Reino das Trevas. O final da segunda temporada, trouxe aos fãs o primeiro vislumbre de Darkar, revelando que ele está agora em Alfea. É possível que ele tenha usado a abertura do portal entre os reinos para passar.

Publicidade

A Chama do Dragão e sua Fênix das Sombras por exemplo, podem ter um equilíbrio cósmico. Então, a presença de Bloom em um reino significava que ele tinha que estar no outro.

A segunda temporada de Fate: A saga Winx já está disponível na Netflix.

Certamente, você também vai gostar:

Publicidade

Série com ASTRO DE DEXTER EXCELENTE está escondida na Netflix

Aliás, não deixe de acompanhar o Streamings Brasil, para não perder nada da série.