Todas as mortes que ocorreram em La Casa de Papel

- Publicidade -

La Casa de Papel se tornou sucesso mundial e as mortes entre as 4 partes da série, mudaram completamente o rumo da trama. No entanto, enquanto o criador da série acumula corpos, personagens queridos pelos fãs vão ficando pelo caminho, mostrando que, ninguém é eterno nos episódios.

Aliás, a única personagem que parece sair ilesa de tanto tiroteio e roubos abusivos é Tókyo. Vivida por Úrsula Corberó, a personagem narra a série desde o começo da trama e parece ser saber do começo ao fim da vida dos assaltantes.

- Publicidade -

Todas as mortes que ocorreram em La Casa de Papel
Todas as mortes que ocorreram em La Casa de Papel

Confira todas as mortes que ocorreram em La Casa de Papel

Spoilers à frente

- Publicidade -

Oslo

O personagem a deixar a série, foi o irmão de Helsinque, ainda na primeira parte da série. O assaltante tinha como responsabilidade de cuidar dos reféns. No entanto, em meio a uma tentativa de fuga, um dos reféns atinge o personagem com uma barra de ferro. Apesar dos demais assaltantes insistirem que ele seja atendido pelos médicos, Helsinque não o quis entregar para a polícia. O desejo do assaltante era que o irmão não fosse preso e para que ele parasse de sofrer, ele mesmo decide asfixiá-lo.

Moscou

Um dos personagens mais amados do primeiro ano foi o pai de Denver. Além de controlar e orientar o filho impulsivo, ele foi determinante em detalhes técnicos para o sucesso do assalto. No entanto, quando a polícia tentou resgatar alguns reféns, Moscou foi baleado.

Sem a possibilidade de ajuda médica, o personagem se despediu de seu filho e morreu, causando comoção entre os personagens.

Leia também: 5° Temporada de La Casa de Papel vem aí – Saiba Tudo

Berlim

Odiado na primeira temporada, e amado posteriormente. Essa foi a saga de Berlim na série, que por sinal, não seria a mesma sem o personagem. Querendo ou não, o personagem, aliado ao talento de Pedro Alonso, transformaram a participação icônica.

O fato do personagem ter uma doença fatal e que lhe restava somente alguns meses de vida, aproximaram o personagem dos fãs. Mas, no final do assalto, Berlim opta por ficar para trás, para garantir que seus personagens conseguissem fugir.

Sem nenhuma piedade, Berlim foi baleado. Com o imenso sucesso feito pelo personagem, ele reaparece na terceira parte aparece em flashbacks. A 4° temporada também ficou marcado como o casamento do personagem, também em reconstituição.

- Publicidade -

Nairóbi

Nairóbi ficou marcada por uma das falas mais icônicas da série. Durante um desentendimento com Berlim, a personagem então assume o assalto e solta: Que comece o Matriarcado. A fala ficou marcada pela representatividade feminina na série.

Após sofrer um tiro durante uma emboscada feita pela inspetora Sierra, Nairóbi precisou ser socorrida pelos demais assaltantes. No entanto, quando estava começando a se recuperar, Gandía, a faz de refém, e acaba matando a personagem brutalmente.

Sem dúvidas, a morte da personagem na parte 4, deixou os fãs furiosos com a produção da série.

Novas mortes na série

Com certeza, novas mortes acontecerão nos próximos episódios da série. Os rumores é de que, a quinta temporada já foi confirmada e podemos especular diversos nomes que a série ainda pode perder.

Entre eles, Denver, Rio e Palermo.

E você ? Ficou arrasado com alguma dessas mortes?

Não deixe de acompanhar o Streamings Brasil. Afinal, aqui você não perde nada da Netflix.

- Publicidade -

Comentários
Carregando...