The Witcher: 5 cenas da série que ficaram idênticas ao jogo

Separamos 5 cenas da série de The Witcher que são idênticas aos jogos

- Publicidade -

Desde sua primeira temporada, a série The Witcher foi muito elogiada por sua adaptação direta e fiel da franquia literária de Andrzej Sapkowski. Ao mesmo tempo, não deixou de homenagear a icônica trilogia de jogos, lançada entre 2007 e 2015.

- Publicidade -

O sucesso estrondoso dos jogos foi um dos fatores que impulsionaram a decisão da Netflix de adaptar a série literária original. Enquanto a produção da série se baseia nos textos de Sapkowski, é evidente que alguns elementos de The Witcher são claramente inspirados nos jogos de vídeo.

Analisando minuciosamente a série, identificamos cinco cenas que apresentam notáveis paralelos com as representações nos jogos. Saiba quais são elas abaixo!

5 cenas da série The Witcher que ficaram idênticas aos jogos

- Publicidade -

A Cena do Banho

A primeira temporada conta com uma cena na qual Geralt toma banho com Yennefer, notavelmente semelhante à abertura de “The Witcher 3: The Wild Hunt”. Na série, Geralt relaxa em uma banheira enquanto Yennefer está em uma cadeira próxima.

- Publicidade -

Publicidade

Embora haja diferenças notáveis entre as duas cenas, como o fato de que ambos estão na banheira na série, ao passo que no jogo, eles já são amantes de longa data e o banho é um momento de relaxamento, a semelhança é inegável.

Por fim, a representação de Yennefer na série difere da dos jogos, o que modifica a dinâmica da cena. Apesar disso, a cena da banheira é uma homenagem e tributo aos fãs dos jogos.

O Discurso de Geralt Sobre a Maldade

- Publicidade -

A famosa frase de Geralt sobre a maldade sendo cruel por si só, independentemente do grau, é outro momento que faz sua aparição tanto na série quanto nos jogos.

Originalmente dos livros, a frase é ligeiramente modificada em cada mídia, mas permanece em todas elas. Geralt a profere ao mago Stregobor durante a primeira temporada de The Witcher e no conto “The Lesser Evil” de Andrzej Sapkowski.

Essa citação também aparece no trailer de “The Witcher 3: The Wild Hunt”, quando Geralt profere um discurso para um grupo de bandidos que planejam enforcar uma mulher acusada de bruxaria. Embora a importância dessa citação nos livros seja provavelmente o motivo de sua presença na série, é notável que ela também apareça nos jogos.

- Publicidade -

Ademais, a frase pode ser uma homenagem tanto aos jogos quanto à série literária, mas, acima de tudo, foi adaptada para a série por sua notoriedade nos livros de Sapkowski. Sua presença em ambas as mídias a torna um elemento digno de destaque aqui!

5 cenas da série de The Witcher que são idênticas aos jogos
Imagem: Divulgação / Netflix

A Luta de Geralt com a Striga de Foltest

- Publicidade -

Um dos combates mais memoráveis de Geralt é quando ele enfrenta uma striga que se revela ser a filha amaldiçoada do rei Foltest de Temeria. Essa cena também é parte do jogo original de The Witcher e de um dos contos compilados em “O Último Desejo” de Sapkowski.

Nesse ínterim, a batalha de Geralt na série apresenta notáveis semelhanças com a dos jogos, a ponto de parecer uma recriação fiel. Muitos dos movimentos dele são idênticos, desde sua escalada na tumba da striga até seu uso de sinais mágicos para se proteger até o amanhecer.

Apesar da cena ter suas raízes nos livros, a coreografia se assemelha demais aos jogos para ser mera coincidência. A estratégia de combate de Geralt contra a striga é consistente em todas as mídias, contribuindo para as semelhanças entre elas.

Geralt encontrando Ciri na Floresta

Uma cena que ocorre no final da primeira temporada é recorrente nos três meios da franquia The Witcher: livros, jogos e a série de TV. Nos jogos, ela é apresentada como um flashback, mostrando Ciri correndo e pulando nos braços de Geralt, assim como na série.

Na adaptação da Netflix, essa cena repleta de tensão emocional ocorre perto do final do ano um, quando, após ser ferido por ghouls, Geralt é levado a uma fazenda onde encontra Ciri na floresta e a abraça calorosamente.

A semelhança entre as representações nos jogos e na série ocorre porque ambas se inspiram diretamente nos romances de Sapkowski. A principal distinção entre as cenas é o ambiente. No programa da Netflix, Geralt e Ciri se reúnem em uma floresta, correndo entre as árvores até colidirem nos braços um do outro. Nos jogos, o encontro ocorre em um prado gramado, repleto de flores coloridas. Exceto pela paisagem, as duas cenas são quase idênticas.

5 cenas da série de The Witcher que são idênticas aos jogos
Imagem: Divulgação / Netflix

Treinamento de Ciri em Kaer Morhen

O treinamento de Ciri em Kaer Morhen apresenta notável semelhança entre “The Witcher 3: The Wild Hunt” e a série de TV da Netflix. No início do icônico jogo, mostram Ciri treinando em um tipo de percurso de obstáculos, correndo por uma série de pinos de madeira, esquivando-se dos pêndulos oscilantes.

Embora o percurso de obstáculos no jogo seja um pouco maior e mais complexo, ele guarda forte semelhança com a cena na série. Essas cenas têm sua origem nos livros, mas a similaridade entre elas nos jogos e no show é notória.

Certamente, você também vai gostar:

Assassinos da Lua das Flores: Novo filme com DiCaprio tem cena pós-créditos?