Porto Seguro | Grávida, Mulher é deportada em filme da Netflix

Nos próximos dias, a Netflix disponibiliza o filme Porto Seguro. O filme em si, não é novo, mas, não me lembro de ter visto em outro lugar, por isso, destacamos o longa aqui. Lançado em 2010, o filme é de origem nigeriana e possui uma nota alta nos veículos de crítica, com cerca de 70% de aprovação.

Continua após publicidade

Porto Seguro - Netflix
Porto Seguro – Netflix

O enredo de Porto Seguro

No filme, Joyce e Paul Unanga são condenados à deportação pela imigração dos EUA. Eles concordam em sair, no entanto, somente depois de Joyce, grávida de 5 meses, deixar seu bebê nos EUA. Ou seja, isso garantirá cidadania automática para seu filho. Posteriormente, Paulo é pego e deportado.

Dessa forma, Joyce luta sozinha para realizar seu sonho. Ela conhece Susan Backley, uma escritora freelancer casada que se oferece para ajudá-la, permitindo que ela fique em casa até o nascimento do bebê.

Joyce aceita a oferta. Agora, com ajuda de Susan, Joyce parte para a jornada mais ousada de sua vida: Alcançar o “sonho americano” para o seu filho ainda não nascido. Para que isso ocorra, ela tentará por todos os meios necessários.

O filme estreia no dia 20 de Maio na Netflix. Confira o trailer do filme:

Elenco e produção

O filme é protagonizado por Omoni Oboli como Joyce Unanga, Sam Sarpong como Paul Unanga e Terri Oliver como Susan Backley. Ainda estão presentes no elenco, Colin Paradine , Mark Cassius , Michael Scratch , Cyrus FairdSantiago Lopera. O filme foi escrito e dirigido por Lonzo Nzekwe.

Premiações e Críticas

Porto Seguro foi exibido, na época, em diversos festivais mundo à fora. Entre os prêmios estão: “Melhor Filme” do Harlem International Film Festival, juntamente com um “Prêmio de Excelência” do Festival Internacional de Cinema do Canadá. Além disso, Três indicações foram garantidas para o Nigeria Entertainment Awards.

As críticas também foram seguras ao afirmar que se trata de um bom filme. Abaixo, você pode ler um fragmento de uma crítica, do The Cinemaholic.

“Este filme é um incrível filme independente. Definitivamente, as atuações são ótimas e a história é incrível com uma reviravolta no final. Esse tipo de filme abre seus olhos para o que está acontecendo em nossa sociedade e no sistema de imigração.”

Leia também:

- Publicidade -

+Confira os Lançamentos da Amazon Prime nessa quarta, 06 de Maio

- Publicidade -

Comentários
Carregando...