Godzilla vs Kong 2: revelado porquê o monstrão está rosa no novo filme

A transformação de Godzilla, que surpreendeu os fãs, está relacionada à radiação do kaiju

- Publicidade -

Falta poucos meses para a estreia de mais um filme do MonsterVerse: Godzilla x Kong: O Novo Império. Produzido pela Warner Bros. e a Legendary Entertainment, o blockbuster é continuação direta do filme de 2021, que arrecadou mais de R$ 2 bilhões em plena época de pandemia.

- Publicidade -

Em Godzilla vs. Kong, tivemos o privilégio de ver a batalha dos monstrões pela supremacia. O trailer do novo capítulo, O Novo Império, revela uma exploração das profundezas da Terra Oca, enquanto introduz uma ameaça Titã inédita que força os dois gigantes a unirem forças.

Contudo, um detalhe peculiar capturou a atenção dos fãs: a inesperada cor rosa do kaiju japonês.

Porquê a cor rosa de Godzilla no novo filme?

- Publicidade -

A transformação de Godzilla surpreendeu os fãs e, segundo especulações, está diretamente ligada a um período de hibernação que o monstro entra para se recuperar dos eventos intensos do filme anterior.

Analistas da indústria sugerem que essa mudança de cor pode indicar uma evolução significativa de Godzilla, possivelmente impulsionada por processos evolutivos ou exposição a uma forma única de radiação durante sua hibernação.

- Publicidade -

Publicidade

Apesar de despertar o interesse do público, é importante ressaltar que, na realidade, a crença de que a radiação possui cor não é respaldada pela ciência, sendo comumente associada ao verde devido ao símbolo universal de precaução, embora a radioatividade seja, na verdade, invisível e incolor.

Vilão deve roubar a cena em O Novo Império

O Novo Império apresenta um vilão inédito, descrito como um antagonista do tipo Kong com características diabólicas. O diretor, Adam Wingard, concebeu esse personagem para desafiar ambos os titãs, adicionando uma camada adicional de emoção à narrativa.

- Publicidade -

Além disso, o filme traz de volta Titanus Doug, uma criatura reptiliana da Terra Oca que conquistou o público em Godzilla vs. Kong. A popularidade online de Doug foi reconhecida pelo diretor, resultando em mais tempo de tela para o personagem.

Recentemente, em entrevista à IGN, Adam Wingard compartilhou sua experiência na produção do blockbuster. Ele revelou os desafios específicos envolvidos na criação de um filme desse porte, destacando a necessidade de habilidades especializadas.

Imagem: Divulgação / Warner Bros. & Legendary Pictures

- Publicidade -

O cineasta também discutiu a extensa utilização de imagens geradas por computador (CGI), enfatizando a dependência da imaginação para dar vida aos monstros na tela. Ao final, ele revelou ainda que o filme contém sequências notáveis, algumas com até oito minutos de duração, focadas exclusivamente nos monstros.

Essas cenas permitirão que os titãs contem visualmente sua própria história de maneira não verbal, oferecendo uma experiência única – e perfeita para o cinema.

Originalmente programado para 15 de março de 2024, Godzilla x Kong: O Novo Império teve sua data de lançamento adiada para 24 de abril de 2024, possivelmente devido à greve de roteiristas e atores em Hollywood.

- Publicidade -

Apesar do atraso, a produção promete ser uma adição forte à série MonsterVerse, com maior exploração da Terra Oca. Enquanto o novo filme não sai, você pode assistir Godzilla vs Kong, de 2021, na HBO Max.

Certamente, você também vai gostar:

> Percy Jackson: Porquê série da Disney acerta e será melhor que os filmes