Publicidade

O perfumista: A verdade por trás do filme de suspense da Netflix

A verdade por trás de O perfumista, da Netflix

Publicidade

O Perfumista é um filme alemão da Netflix, que conta a história de Sunny e Dorian, duas pessoas que tem uma ligação muito forte com o olfato, o que os leva a um caminho fascinante. Por sua vez, Sunny não sente nenhum cheiro, já Dorian é um mestre perfumista, que segue em sua busca de fazer o perfume do amor.

Para conseguir o perfume perfeito, Dórian comete vários crimes hediondos. Ao mesmo tempo, Sunny tenta capturá-lo. O suspense policial é dirigido por Nils Willbrandt explora o impacto causado pelos aromas e cheiros, durante a vida de uma pessoa. Contudo, o estilo visual abordado em O Perfumista é bem diferente da realidade vivida.

Publicidade

Então, fica a dúvida dos fãs, para saber se o filme é uma ficção ou se baseia em fatos reais ou em um livro. Aqui está tudo o que você precisa sobre os fatos do longa.

O Perfumista é baseado em uma história real?

Publicidade

Indo direto ao ponto, a resposta é não. O perfumista é uma história fictícia. O filme se baseou, vagamente em um romance alemão, Perfume: A história de um assassino. O romance de ficção foi escrito por Patrick Süskind, e publicado pela primeira vez em 1985. O livro explora o sentido do olfato, e sua relação entre os aromas com seus significados emocionais.

O livro que originou O perfumista gira em torno de Jean-Baptiste Grenouille que era órfão e mal amado. Ele vivia na França no Século XVIII, e tinha uma um olfato super apurado. Com o tempo, ele cresceu e se tornou um especialista em perfumes. Porém, Jean se envolve em um assassinato depois de encontrar uma jovem, que tinha um perfume que era tão bom que o marcou.

Provavelmente a inspiração para o personagem seria Manuel Blanco Romasanta. Ele era um serial Killer espanhol que tinha o apelido de “O Homem do Sebo”. Manuel ficou conhecido, por usar a gordura do corpo de suas vítimas para fazer sabonetes perfumados. No entanto, o autor não confirmou de onde veio sua inspiração.

Publicidade

Assim como em O perfumista, a história de Jean implica na vida real, e não está fora da realidade. O livro foi uma adaptação para um filme alemão que também se chama Perfume: A História de um Assassino. Seu co-escritor e diretor foi Tom Tykwer, e ao ser lançado em 2006, recebeu críticas positivas e negativas.

Contudo, no novo sucesso da Netflix, não possui relação com nenhuma adaptação cinematográfica. Apenas foi vagamente uma forma de inspiração no romance de Süskind.

Publicidade

Os personagens do filme

O filme não mostra o personagem de Grenouille, e o principal fabricante de perfumes é um dos personagens originais, conhecido como Dorian. Além disso, o filme segue a perspectiva de Sunny, que é mais um personagem que não contém no livro. No início do filme, contém um texto que afirma que O perfumista se baseia somente nos temas do livro.

Publicidade

Temas como amor, sexo, atração e conflitos, dão vida as histórias que são contadas no filme através da capacidade de cheirar. Sunny desejava recuperar sua capacidade de cheirar, já Dorian queria criar um perfume que o permita ser amado.

O perfumista é inspirado em uma história real?
Imagem: Divulgação/Netflix

Com essa relação de bastante conflito dos dois, com o cheiro acaba os aproximando e os unindo em uma cena de crime. Contudo, o filme também tem um elemento de mistério de assassinato. Dessa maneira, concluímos que o filme não se baseia em fatos reais.

Ou seja, conta uma ficção que se inspirou no romance de Patrick Süskind. Incluindo um cenário novo e vários personagens, explorando a relação entre o cheiro e as emoções. O mistério de um assassinato convincente se baseia em várias emoções humanas. Em suma, permite que os espectadores se conectem com o que motiva as distorções dos personagens.

Publicidade

Com isso, apesar de ser uma ficção, O perfumista parece ser realidade.

Certamente, você também vai gostar:

Publicidade

Filme sobre o fim do mundo na Netflix com Tom Cruise faz sucesso

Aliás, não deixe de acompanhar o Streamings Brasil, para não perder nada do filme. Via The Cinemaholic.