O Grande Guerreiro Otomano será removida da Netflix

Netflix removerá O grande Guerreiro Otomano

A Netflix anunciou que irá remover duas temporadas – das cinco disponíveis – de O grande guerreiro Otomano. A série turca ganhou grande destaque ao chegar no catálogo, em um período que Game Of Thrones chegava ao fim. 

Continua após publicidade

O enredo é baseado na história dos muçulmanos turcos Oghuzes e tem lugar no séc. XIII. Centra-se em torno da vida de Ertuğrul (1198-1281), que foi um líder dos cais, uma tribo de turcos oguzes originários do norte do Irão. 

Nos últimos anos, a série turca se popularizou no Brasil pelo serviço, e muitos inclusive, esperavam que a continuação da série fosse lançada. No entanto, o canal TRT se limitou apenas em 5 temporadas, embora tenha lançado uma série derivada. 

É bem provável que, as três temporadas também expirem em breve. Dessa forma, os fãs ficarão sem ter como assistir, pelo menos por enquanto, O grande guerreiro Otomano na Netflix.

A saída de O grande guerreiro Otomano na Netflix

A Netflix anunciou que as temporadas da série turca ficarão disponíveis no catálogo até o dia 20 de Setembro. O motivo é o mesmo de que tantas outras séries foram removidas do catálogo do serviço. 

Toda e qualquer produção disponível no catálogo da Netflix, possui um contrato de exibição. Quando esse contrato se encerra, a Netflix precisa remover a produção do catálogo. Em algumas ocasiões, o serviço entra em acordo com o canal e retorna com os episódios.

Entretanto, nos últimos anos a Netflix vem investindo cada vez mais, em produções originais. Exatamente por isso, a presença de títulos de outros estúdios, como O grande guerreiro Otomano no serviço, tende a diminuir.

Ainda não foi confirmado se o serviço tentará reaver os direitos das temporadas futuramente. Contudo, avaliando o período em que a série está disponível, é provável que não retorne.

Fãs esperavam série derivada

Além da saída inesperada, outro fator pode frustrar os fãs. Kurulus Osman, é a sequência não direta da série turca. Após o final da produção original, o canal turco decidiu produzir a série derivada. 

Em Kurulus Osman, vemos a trajetória de Osman Gazi, lutando para fundar e controlar o império otomano. Osman deve derrotar os poderosos mongóis e bizantinos, bem como inimigos internos, se quiser defender com sucesso seu novo domínio.

Além de manter O grande guerreiro Otomano, a expectativa era que Kurulus Osman chegasse ao catálogo. Mas, dado ao tempo em que as duas temporadas foram lançadas, já era para a Netflix ter lançado a série.

Portanto, até o momento não se tem qualquer previsão da chegada no catálogo. 

Sobre a série

- Publicidade -

O grande guerreiro Otomano será removido da Netflix
Imagem: Divulgação/Netflix

A série se inicia como uma resposta agressiva as invasões mongóis na Ásia Central. As tribos turcas fogem desse território e ameaçados, busca locais mais pacíficos para se reestabelecer. 

Uma dessas tribos é a chamada de Kayi, ocupada pelos turcos Oghuz, em um grupo de duas mil tendas. Após passar um período difícil de forme, eles decidem migrar para um lugar melhor e começar uma nova vida. 

Nessa busca, são liderados por Salomão Xá, pai de quatro filhos: Gündoğdu, Sungurtekin, Ertuğrul e o mais novo Dündar Bey. Após um resgate de prisioneiros dar errado Ertuğrul é enviado por seu pai, para resolver questões entre as tribos. 

Assim vemos em O grande guerreiro Otomano, que Ertuğrul precisa também encontrar um novo lugar para o grupo nômade se estabelecer. Então ele parte com seus três amigos para Aleppo, onde estabelece um acordo com o sutão local.

Além é claro, de conseguir resolver a crise instalada, sendo que esse evento acaba desencadeando uma série de acontecimentos, que culminariam com à fundação do império Otomano.

Então, você vai sentir falta de O grande Guerreiro Otomano na Netflix ? Confira um trailer da série:

Certamente, você também vai gostar:

>Final Space 4ª Temporada: Data de estreia, enredo e notícias

Aliás, não deixe de acompanhar o Streamings Brasil. Afinal, aqui você não perde nada da Netflix.

- Publicidade -

Comentários
Carregando...