Netflix lançará uma série de suspense sobre Freud, o pai da psicanálise

A Netflix anunciou que lançará no próximo ano, uma série de suspense sobre Freud, o pai da psicanálise. A série se trata da primeira produção austríaco-alemã original da plataforma.

publicidade

O personagem é de grande importância no mundo da ciência e a adaptação de sua história já era esperada, tanto na TV, quanto nos cinemas.

Netflix lançará uma série de suspense sobre Freud
Netflix lançará uma série de suspense sobre Freud

O neurologista austríaco Sigmund Freud é considerado um dos maiores gênios do século XX. Ele é considerado o pai da psicanálise e pela criação de um conjunto de teorias em relação à psicologia.

- Publicidade -

Quase 80 anos após a morte de Freud, Robert Finster irá interpretá-lo em sua juventude no meio de investigações, no melhor estilo de um detetive procurando pelo assassino. Sua equipe será composta por Fleur Salomé (Ella Rumpf), uma icônica médium e veterana de guerra Alfred Kiss (Georg Friedrich).

A série se chamará “Freud” e chegará em em 23 de Março, com oito episódios de 45 minutos cada.

Por sua parte, o diretor da série da  Netflix , Marvin Kren, explicou: “Quero mostrar um Freud desconhecido. Ele é um homem em busca de reconhecimento dividido entre duas mulheres, entre razão e instinto.

- Publicidade -

Sua psicanálise e os conceitos de id, o self e o superego não vieram do nada. Eles são baseados nas experiências de um gênio atormentado que conhece em primeira mão as múltiplas faces do ser humano. ”

E você ? Acha que vai ser sucesso ?

Leia também:

+Netflix retira teste grátis do Brasil

- Publicidade -

10 Comentários
  1. Lenize Freitas Diz

    Aguardarei ansiosa esta primeira temporada de Freud. Realmente, um gênio, que foi as últimas consequências pra entender o comportamento humano.

  2. Cleide Arantes Diz

    Já vou sentar no sofá para assistir Freud!!!

  3. Rosângela Rosa Diz

    Que fascinante uma série sobre o gênio Freud! Sou professora, psicologa e apaixonada por seus estudos acerca da mente humana!

  4. Tiago Sarmento Diz

    Colocar uma médium junto com Freud é uma afronta à psicanálise. Mas já era de esperar que a cultura de massas cometesse uma atrocidade dessas a Freud. Um lamento para a área que continua sempre a ser retratada com falta de respeito pela cultura.

    1. Renata Diz

      Talvez seja uma forma de debate entre a psicanálise e a espiritualidade. Se for assim, será uma forma de fazer com que o expectador reflita sobre suas questões. É bom para sair da zona de conforto. Não vejo como afronta. É bom assistir primeiro e depois criticar.

      1. zeh tony Diz

        Nesse caso seria melhor para eles inteiduzir Jung , e flerta mais com esse lado espiritual e durante muito tempo foi o principal colaborador de Freud em seus estudos.

    2. Antihater Diz

      Não se esqueça que mediunidade pode ter a ver com histeria. Que tal assistir primeiro?

    3. Sônia Falcão Eyff Diz

      Concordo com Tiago!

  5. Celso Diz

    Lembrando que será ficção, nao vejo afronta à Freud nem à Psicanálise. O legado dele passa acima disso. Mas o personagem ligado à espiritualidade pode levantar questões de inteface entre Ciência e Mito. Como agnóstico que sou, penso ser um questionamento interessante e nao creio que irá deturpar as descobertas de Freud.

  6. Mário Takeo Diz

    Estar aberto às diferenças, sem julgamentos, podem sim acrescentar mais compreensão de nós mesmos!
    Vamos assistir!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.