Game of Thrones: Por que Drogon pode não ser o último dragão

Por que Game of Thrones pode ter outros dragões além de Drogon

- Publicidade -

Uma das grandes questões persistentes do episódio final de Game of Thrones é o que aconteceu com Drogon. Grande parte das pistas apontam para que Drogon, que era o maior dragão de Daenerys, não é o último da sua espécie.Com seus irmãos, Rhaegal e Viserion, Drogon nasceu de três ovos de dragão petrificados dados a Daenerys em seu casamento.

- Publicidade -

No entanto, apenas Drogon sobreviveu ao final de Game of Thrones, e foi visto pela última vez derretendo furiosamente o trono de ferro antes de voar com o cadáver de Daenerys. Os showrunners David Benioff e DB Weiss confirmaram mais tarde que Drogon foi para Volantis.

Por sua vez, essa é uma cidade costeira ao sul de Essos fundada por antifos valirianos. Muitos se perguntam se a rainha Louca estava realmetne morta e se Drogon poderia ter salvado Daenerys. Com todos os filhos de Daenerys mortos, exceto um, no final da série, parece que os dragões podem estar extintos no universo da série.

No entanto, é possível que as criaturas misteriosas e poderosas possam retornar em maior número. House of The Dragon mostrou aos espectadores os dragões do passado, mas, o que pode ter acontecido com a descendência após Game of Thones? Eis o que sabemos.

- Publicidade -

Todos os Dragões de Game of Thrones são machos?

Game of Thrones nunca abordou mais à fundo as formas que um dragão se reproduziu. Mas, podemos deduzir que, com base Rhaegal, Viserion e Drogon usam pronomes masculinos na série, o que leva a pensar que são machos. Contudo, nos livros, percebemos que na verdade, os dragões de Daenerys são na verdade fluídos de gênero.

- Publicidade -

Publicidade

No livro, O festim dos Corvos, Meistre Aemon diz a Samwell Tarly que acredita que Daenerys é o príncipe prometido. Entretanto, a referência a um “príncipe’ na profecia original é na verdade um erro na tradução do valiriano. A passagem do livro diz:

“Que tolos éramos nós, que nos considerávamos tão sábios! O erro surgiu na tradução. Os dragões não são machos nem fêmeas, Barth viu a verdade disso, mas agora um e agora o outro, tão mutável quanto a chama. A linguagem enganou todos nós por mil anos.”

Isso significa que os dragões de Daenerys podem ter sido machos e fêmeas em diferentes pontos da série. Isso nos leva a outro questionamento: Eles podem ter posto ovos? Rhaegal e Viserion foram aprisionados sob a grande pirâmida de Meereen por algum tempo durante o governo de Daenerys. 

- Publicidade -

Por isso, os dois dragões de Game of Thrones podem muito bem ter se ocupado com o acasalamento. Se for esse o caso, pode faculmente haver um punhado de ovos de dragão à espreita em algum lugar na escuridão das catacumbas. 

Ao mesmo tempo, os dragões podem se reproduzir assexuadamente através de partenogênese. Aliás, isso já foi visto nos dinossauros em Jurassic Park. De fato, todo dragão em House of The Dragon também poderia ter nascido assexuadamente, já quem a série original e nem mesmo a derivada, explicaram o contrário. 

Portanto, é possível que Drogon tenha produzido seus próprios ovos depois de voar para Volantis com o corpo de Daenerys. A implicação de que novos dragões estão nascendo obviamente abre muitas questões sobre o que acontecerá a seguir. Logo, podemos ter mais dragões sendo reintroduzidos no mundo. 

- Publicidade -

Os dragões de Daenerys podem não ter sido os últimos de sua espécie

Além da possibilidade de Viserion, Rhaegal e Drogon terem filhos, também não está de forma alguma confirmada que os deles foram os últimos ovos de dragão existentes. Os dragões chegaram a um ponto de quase extinção pelo menos duas vezes antes na história de Game Of Thrones.

A perdição de Valyria quase os eliminou, mas os Targaryen mais tarde conseguiram repovoar seus números usando apenas cinco dragões. Os predecessores dos dragões de Daenerys morreram em batalha durante uma grande guerra civil conhecida como a Dança dos Dragões, assim como narrado em House of The Dragon.

- Publicidade -

Os dragões em Game of Thrones
Imagem: Divulgação/HBO Max

Depois disso, os dragões ficaram menores e mais fracos em cativeiro. No livro, O festim dos Corvos, o Arquimeistre Marwyn revela que os meistres finalmente conspiraram para matar o último dos dragões. No entanto, graças a Daenerys, eles voltaram. 

A tradição de Game of Thrones ensina dois detalhes importantes do dragão. Seus ovos são notoriamente difíceis de chocar e é possível cultivar uma grande população de dragões a partir de um número inicial mínimo. Como os Targaryens, os dragões parecem não ter escrúpulos em relação ao incesto. 

Mesmo que os ovos de dragão de Daenerys fossem os únicos a chegar às mãos dos humanos, provavelmetne há mais ovos não eclodidos escondidos em outro lugar. Como se presumia que os ovos dos dragões de Daenerys tinham centenas de anos, qualquer outro ovo de dragão petrificado existente ainda pode eclodir nas condições certas. 

Por fim, todo o mapa-múndi de Game of Thrones não foi totalmente revelado. O continente sul de Sothoryos é praticamente inexplorado e, como Arya Stark observa quando ela inicia sua jornada no final da temporada, ninguém ainda descobriu o que fica a oeste de Westeros. 

Certamente, você também vai gostar:

> Seven Kings Must Die: Uhtred Morre no filme de The Last Kingdom?

Aliás, não deixe de acompanhar o Streamings Brasil, para não perder nada da série.