Contra o Gelo: A verdade por trás do filme da Netflix

Contra o Gelo é baseada em uma história real: Conheça

- Publicidade -

Contra o Gelo é o novo drama histórico de sobrevivência dirigido por Peter Flinth. O filme se passa em 1909 e segue um explorador dinamarquês Capitão Ejnar Mikkelsen. ELe sai em uma expedição para encontrar provas que anulem a reivindicação da América do nordeste da Groenlândia. 

- Publicidade -

Ao seu lado, Iver Iversen, um mecânico novato de navio e os dois homens deixam sua tripulação para trás nos territórios gelados desconhecidos. Em seu caminho, eles enfrentam vários desafios traumáticos e lutam para sobreviver às adversidades, bem como sua crença.

Ao longo de Contra o Gelo, vemos uma história emocionante do espírito indomável do homem para alcançar seus objetivos. Porém, fica claro que é necessário superar as situações mais difíceis. Assim, envolve os espectadores com sua narrativa fascinante e momentos de arrepiar. 

Claro que, isso só é possível, graças as performances realistas dos membros do elenco. Isso faz com que os espectadores questionem se Contra o Gelo é inspirado em fatos reais. Pois bem, se você está curioso para descobrir, aqui está o que sabemos.

- Publicidade -

Contra o Gelo é baseado em uma história real?

Sim, Contra o Gelo é baseado em uma história real. Ele é baseado em um livro chamado “Two Against the ice”, com as memórias do pesquisador Ejnar Mikkelsen. Na época, ele liderou uma missão de resgate dinamarquesa à Groenlândia, chamada de Expedição do Alabama, de 1909-12.

- Publicidade -

Publicidade

A expedição recebeu o nome do navio de mesmo nome e visava em parte encontrar os membros desaparecidos da famosa Expedição Dinamarquesa à Groenlândia, liderada por Ludvig Mylius-Erichsen. 

Depois que Erichsen e seus dois companheiros foram dados como mortos, Ejnar tentou encontrar os corpos com os membros de sua tripulação. Em 20 de junho de 1909, Ejnar partiu com sua tripulação de Copenhague, junto com 50 cães groenlandeses, em direção ao Danmarks-Fjorden. Em sua parada na Islândia em julho de 1909, seu engenheiro adoeceu e foi substituído pelo maquinista Iven P. Iversen.

Ao chegar à ilha de Shannon, na Groenlândia, o navio atracou no porto do Alabama, a 170 km de Danmarkshavn. Desde então os membros da expedição dinamarquesa estavam estacionados no inverno. No outono de 1909, a tripulação embarcou em um passeio de trenó de 900 km com 21 cães e encontrou o corpo de Brønlund.

- Publicidade -

Incapaz de encontrar os outros dois homens, eles retornaram ao Alabama após 84 dias. O terreno era excepcionalmente difícil e 14 dos cães morreram.

A segunda expedição

Conforme vimos em Contra o Gelo, em 3 de março de 1990, Ejnar, Iver e três homens comandados pelo primeiro-tenente Laub iniciaram a expedição principal de 1.900 km, uma das mais difíceis da história. Ao longo do caminho, Laub e seus três homens se separaram perto do manto de gelo através de Storstrømmen.

- Publicidade -

Entretanto, quando retornaram ao navio, descobriram que ele havia afundado por volta de 13 de março de 1990. Assim, eles construíram uma residência temporária com os restos do navio e começaram a esperar um navio para resgatá-los. Em 27 de junho de 1990, um navio próximo chegou e concordou em levá-los a bordo. Depois de esperar um pouco por Ejnar e Iver, eles partiram para Aalesund, Noruega, em 7 de agosto de 1909.

Por sua vez, Ejnar e Iver , acompanhados por 15 cães, traçaram o caminho através da camada de gelo e chegaram a um lago no fundo do Danmarks-Fjorden. Logo encontraram o relatório de Eriksen, datado de 12 de setembro de 1907, que detalhava suas experiências.

Mais à frente, eles encontraram pegadas e restos de tendas e, finalmente, o relatório crucial de Eriksen que provou que o Canal Peary não existe. Este documento foi fundamental para estabelecer que a Groenlândia está sob o território da Dinamarca. Assim não fazia parte da América, como o país alegava.

- Publicidade -

Salientou ainda que Eriksen e seus dois homens chegaram à Terra de Lambert no caminho de volta, onde morreram.

A volta para casa em Contra o Gelo

Depois de ter essa descoberta inovadora, Ejnar e Iver começaram sua jornada de volta para casa. Contudo, enfrentaram desafios extremos, como doença, falta de provisões e terreno acidentado. Aliás, isso é bem retratado em Contra o Gelo. Eles tiveram que abater o cachorro restante e arrastar o trenó manualmente, enquanto viajavam a pé.

Eles ainda tiveram que deixar para trás seus diários e pertences devido ao peso inadequado para o terreno gelado e não conseguiram recuperá-los. Em 25 de novembro de 1909, eles chegaram ao Alabama. Entretanto o navio havia afundado e a tripulação havia partido.

Ejnar e Iver encontraram algum descanso no abrigo temporário e suprimentos deixados por eles. Depois de passar o inverno rigoroso no abrigo, eles embarcaram em outra jornada em 24 de abril de 1911. Eles voltaram em 6 de junho de 1911 e, em novembro do mesmo ano, mudaram-se para outro depósito em Bass Rock. 

Depois de passar outro inverno cruel lá, eles foram finalmente resgatados pelo navio norueguês Sjøblomsten em 19 de julho de 1912. Ao voltar para casa, o mundo elogiou a perseverança e a coragem heroica de Ejnar e Iver que os ajudaram a sobreviver por três anos na Groenlândia.

Além disso, a contribuição dos homens para a recuperação da Groenlândia pela Dinamarca está gravada para sempre nas páginas da história. 

Ator falou da emoção de interpretar o personagem

Contra o Gelo é uma história real
Imagem: Divulgação/Netflix

Nikolaj Coster-Waldau, que vive Ejnar em ‘Contra o Gelo‘ e co-escreveu o roteiro, afirmou em uma entrevista que ficou profundamente tocado pelo livro.

“Fiquei encantada com o livro. Já vimos histórias de sobrevivência antes, mas havia algo sobre a maneira como ele escreveu, Mikkelsen, e o amor que ele tinha por Iversen realmente apareceu no livro”, compartilhou Nikolaj.

Isso levou o ator e seu co-roteirista, Joe Derrick, a criar a magia na tela com o filme. Assim, Contra o gelo é uma ode ao trabalho árduo de Ejnar e Iver, e dá uma visão detalhada de sua jornada e desafios na Groenlândia. Além disso, também mergulha profundamente em suas psiques e explora de forma realista suas prováveis ​​condições mentais nesses tempos difíceis.

Então, você gostou da história de Contra o Gelo ? Confira um trailer do filme:

Certamente, você também vai gostar:

>Quando chama o coração anuncia novidade sobre Lucas na 9ª temporada

Aliás, não deixe de acompanhar o Streamings Brasil, também via Youtube.