- Publicidade -

A Lista terminal: A verdade por trás da série do Prime Video. A história é real?

A Lista terminal é baseado em uma história real? Descubra

- Publicidade -

A lista terminal é a nova produção da Amazon Prime Video. Criada por David DiGilio, a produção foca em ação militar e suspense. O grande destaque da série é o protagonismo de Chris Pratt que, vive o tenente-comandante James Reece.

publicidade

Dessa forma, A lista terminal mostra que o líder do pelotão Navy Seal possui um trauma. Afinal, ele perdeu quase toda a sua equipe durante uma missão em Aleppo, na Síria, que deu errado. Após retornar aos Estados Unidos, o único sobrevivente do grupo, além de Reece, comete suicídio.

Além disso, Reece começa a sentir dores de cabeça e alucinações e assassinos mascarados matam sua esposa e filha. Isso desencadeia no personagem, uma busca pela vingança contra todos que trouxeram dor e sofrimento para ele e seus entes queridos.

- Publicidade -

A série oferece uma história complexa sobre amor, perda e a marinha americana. Por ter um pano de fundo tão real, os fãs já questionam se A lista terminal é inspirada em alguma história verdadeira. Pois bem, esclarescemos as dúvidas.

A Lista terminal é baseada em uma história real?

Indo direto ao ponto, não, A lista terminal não é baseada em uma história real. No entanto, aparentemente tem alguns elementos da realidade embutidos em sua narrativa. A série do Prime video é a adaptação para a TV do romance escrito por Jack Carr do mesmo nome, lançados em 2018.

- Publicidade -

Em Junho de 2022, outros cinco livros da saga foram lançados. Carr, assim como Reece, é um ex-oficial da Marinha americana. Portanto, ele era um atirador SEAL alistando antes de serviço como Líder de equipe, comandante de Tropa e Pelotão. 

Como franco-atirador, a especialidade de Carr era a comunicação e inteligência. Ao longo de seus vinte anos de serviço, Carr passou por países como Iraque, Afeganistão e sul  das Filipinas.

Para trazer maior fidelidade ao seu personagem em A lista terminal, Pratt se preparou para o papel, vivendo alguns dias com os marinheiros americanos na vida real. Além disso, em uma entrevista concedida em Maio de 2022, DiGilio, criador da série afirmou que alguns verenaranos militares da marinha americana desempenharam um papel importante no desenvolvimento da série. 

“Acho que realmente começa com o ex-SEAL da Marinha Jared Shaw. Jared trabalhou com Chris em ‘A hora mais escura’, e ele também conhecia Jack através das equipes. Quando Jack escreveu seu primeiro livro, Jared indicou à Chris Pratt, que então começou a ler o livro.”

- Patrocinado -

A Lista terminal seria um filme

Depois de saber que Antoine Fuqua, estava buscando comprar os direitos do Livro de Carr, Pratt propôs que eles se unissem e a dupla foi formada. Essa é a primria vez que eles trabalharam juntos desde 7 homens e um destino. No inicio de suas conversas, eles perceberam que existia um personagem gigante aqui.

Assim, as conspirações e a história de A Lista terminal não poderia ser adaptada em apenas um filme. Portanto, foi escolhido para que fosse feito uma série de TV.

A presença dos oficiais do SEAL

Os criadores trouxeram então SEAL’s e outros veteranos para a sala de roteiristas. Além disso, eles fizeram assessorias técnicas e trabalhos como dublês. Outros 25 atores com formação militar foram contratados para participar da série.

- Publicidade -

A Lista terminal: Conheça a história real por trás da série
Imagem: Divulgação/Amazon Prime Video

Carr citou autores como Clive Cussler, Vince Flynn, Daniel Silva, Tom Clancy, David Morrell e Michael Connelly como sua inspiração. Por fim, elogiou Pratt e Fuqua por seu trabalho em uma entrevista ao Washington Post Live, em Junho de 2022. O escritor de A lista terminal disse:

“Desde o início, o que era importante para Chris e Antoine era que, se um veterano sentasse, ligasse e assistisse, pelo menos eles diriam: ‘Sabe de uma coisa, esses caras fizeram sua lição de casa. Assim,  eles colocaram todo esse esforço e energia para fazer isso direito.

Evidentemente, os criadores da série extraem certas coisas da vida real. Afinal, a tentaiva de contar uma experiência militar autêntica foi válida. No entanto, podemos afirmar que A lista terminal não é baseada em uma história real.

Então, você já assistiu a série do Prime Video?

Certamente, você também vai gostar:

>House Of The Dragon: Teorias Apontam Série Muito Diferente De Game Of Thrones

Aliás, não deixe de acompanhar o Streamings Brasil, incluindo via Youtube.