Publicidade

A Lenda de Aang revela ótima notícia antes da estreia na Netflix

Saiba como a Netflix planeja filmar as 2ª e 3ª temporadas de sua versão de "Avatar: A Lenda de Aang".

Publicidade

Muitas animações marcam memórias por todo o mundo, mas poucas são reverenciadas até hoje – uma década depois – como é Avatar: A Lenda de Aang. Por isso, o novo remake e série pela Netflix preocupa certos fãs, que ainda estão ressentidos com filme de 2010. Porém, estes podem acabar por se agitar com os planos para a 2ª e 3ª temporadas.

A princípio, o seriado original chegou por meio do canal Nickelodeon (de 2005 a 2008), trazendo três curtas temporadas, ou melhor: os “Livros” 1 (Água), 2 (Terra) e 3 (Fogo). Em seguida, o terrível O Mestre Mestre do Ar veio, para logo ser esquecido. Então, a também adorada sequência da série, A Lenda de Korra, recompensou os frustrados e saudosos em 2012. Logo, outro remake foi anunciado em 2018.

Publicidade

Infelizmente, o remake serializado de A Lenda de Aang na Netflix contou com a saída dos criadores da saga, Michael DiMartino e Bryan Konietzko, bem no início (em 2020), devido a divergências criativas. Ao menos, algo que os levou à Paramount para criarem o “Avatar Studios“, onde continuarão com sua colaboração no desenvolvimento da franquia.

Juntamente, a pandemia do COVID-19 atrasou a produção do ainda ambígua seriado. A saber disso, com as suas promessas de autenticidade, respeito, empenho e, é claro, a possibilidade de filmarem a 2ª e a 3ª temporada em sequência, os corações e os olhos dos fãs enchem-se de esperança. Portanto, venham com a Streamings Brasil e entendam os porquês e prós dessa decisão. Bora lá e… Yip yip!

Publicidade

Estreia da 1ª temporada de A Lenda de Aang na Netflix

Antes de mais nada, o que se sabe sobre a chegada do “Livro 1: Água” no streaming do “TUDUM”? Por enquanto, a previsão de lançamento está em 2023, entre abril e agosto (os segundo rumores). De fato, com 8 episódios de 40 – 60 minutos que, inclusive, custaram cerca ou mais de US$ 10 milhões, cada.

Juntamente, a 1ª temporada de Avatar: A Lenda de Aang da Netflix entusiasmou a comunidade por ter confirmado a expansão do universo e tramas – com pouco tempo de tela – do original. Também, a série deve ser fiel às artes marciais e aos visuais épicos da mitologia (gravadas no palco de LED recordista).

Publicidade

Em especial, o ponto que de cara já agradou a todos foi a escolha do elenco, o qual diferente de O Último Mestre do Ar (2010), se manteve fiel às etnias sul-asiáticas e indígenas dos personagens. Escalando os jovens Gordon Cormier (Aang), Kiawentiio Tarbell (Katara), Ian Ousley (Sokka) e Dallas Liu (Zuko). Veja:

“O cartoon é tão amado que sinto haver certa pressão em fazermos um ótimo trabalho, e não que eu esteja duvidando de alguém ou do projeto, Quero dizer, obviamente estou empolgado pois isso é como um sonho. Só que, ao mesmo tempo é um pouco estressante. Sabe? Por isso, espero que todos gostem”, confessou Dallas Liu, interprete do tão complexo Príncipe do Fogo, Zuko.

– via ComicBook

“Eu pensava ‘se nada está quebrado, por que consertar?’ […] Mas, com tamanho avanço tecnológico podemos não só traduzi-la com fidelidade [a animação] como também, oferecer uma nova e rica dimensão à ela. Assim, trazendo uma nova geração de fãs com personagens reais e vivos. Também, apresentaremos surpresas e autenticidade aos antigos fãs”, revelou o showrunner Abert Kim.

– via About Netflix

Publicidade

Do mesmo modo que no original, a 1ª temporada de A Lenda de Aang da Netflix terá o protagonista sendo libertado pelos irmãos da Tribo da Água do Sul, Katara e Soka, um século após seu sumiço e da dominação continental – total – da Nação do Fogo (mais conhecida como “A Guerra dos Cem Anos“). Prontamente, ajudando-o na busca por um mestre / professor que o ensine o mais rápido possível a dominar “dobra” de seu segundo elemento: a água.

As 2ª e 3ª temporadas de Avatar já estão confirmadas na Netflix?

Publicidade

Recentemente, o portal insider Knight Edge Media apresentou dados que informam a pretensão da Netflix em gravar tanto a próxima quanto a última temporada da série (o “Livro 2: Terra” e o “Livro 3: Fogo”) em uma tacada só. Assim, de acordo com a notícia, a plataforma visaria evitar ter problemas de descaracterização etária no seu elenco principal.

Afinal de contas, ao longo sas temporadas originais do cartoon, a Equipe Avatar não envelhece, devido ao curto período de um ano da história. Ou seja, Aang mantém-se com 12 anos, Katara com 14, Soka com 15 e Zuko com 16 até o final. Entretanto, caso renovada para sua 2ª temporada, dois membros protagonistas do remake de Avatar, Gordon Cormier e Kiawentiio, já estarão com 14 e 17 anos de idade.

Em contraponto, a então maioridade do restante do elenco não deve causar preocupações (para com mudanças na aparência). Porém, de qualquer modo, a Netflix ainda poderia driblar este empecilho por estender a chegada do Cometa de Sozin (o grande evento que marca o final da série) de 1 para 3 anos.

No fim, A Lenda de Aang poderá se beneficiar de ambas alternativas. Tendo em vista que um prévio planejamento e gravações contínuas ocasionariam em menos tempo de espera por novos episódios. Além disso, prolongar o tempo de história somaria ao fato de que teremos tramas e personagens mais desenvolvidos. Por exemplo, podendo haver uma maior abordagem nas ligações entre Roku e Sozin.

Publicidade

Ademais, é válido dizermos que, no momento, tudo isso são apenas rumores. Pois a Netflix ainda não anunciou nem a 2ª ou a 3ª temporada de Avatar. Embora a plataforma já tenha experiência e pré-disposição para renovações e “gravações duplas”. Em retrospecto, já tendo realizado as temporadas finais de Desventuras em Série uma após a outra, e planejando repetir a estratégia com The Witcher.

Mais novidades na franquia

Publicidade

Banner e pôster oficial da série remake live-action de Avatar: A Lenda de Aang da Netflix em 2023 com Gordon Cormier como o último mestre do ar, Kiawentiio Tarbell como Katara, Ian Ousley como Sokka, Dallas Liu como Zuko, C. S. Lee como Roku, Yvonne Chapman como Kyoshi e Meegwun Fairbrother como Kuruk
(créditos de reprodução: Nickelodeon)

Por fim, também devemos ressaltar que apesar do remake em live-action não possuir ligação com os criadores, Michael DiMartino e Bryan Konietzko, a franquia tem se mantido viva desde a série A Lenda de Korra por meio de histórias inéditas e canônicas nas HQs (quadrinhos). Sobretudo, este panorama muda com as atuais atividades do Avatar Studios.

Resumidamente e felizmente, em parceria com a Nickelodeon e a Paramount, a dupla voltará a trazer novas animações com séries e até mesmo filmes para os cinemas. Até então, tendo confirmado três longas-metragens e múltiplos seriados (!!!). Aliás, o primeiro filme chegará em 10 de outubro de 2025, contando uma nova trama na fase adulta da Equipe Avatar. Então, fiquem com mais detalhes a seguir:

Publicidade

“Nós iremos explorar o que chamamos de ‘Universo Avatar’. Portanto, Mike e Bryan estão agora trabalhando duro no que acredito ser um filme para os cinemas, animações, várias séries de TV [e streaming] e provavelmente muitos outros longas. No momento, direi que muito em breve traremos as novidades ao público”, anunciou Brian Robbins, o presidente da divisão Nickelodeon.

– via Deadline

“De fato, um de nossos grandes projetos para os cinemas é ‘Avatar’. Uma vez que, acertamos em entregar para DiMartino e Konietzko, os criadores da animação original de 2005, o controle criativo nos estúdios. Então, eles criaram o ‘Avatar Studios’ e agora estão completamente focados em trazer filmes em CGI e uma nova série”, acrescentou posteriormente.

– via Paramount

Todos os detalhes do filme de 2025 (em inglês):

Certamente, você também vai gostar:

> Wandinha: Que horas estreia e onde assistir a série

Ei, lêmures e bisões do ar por aqui, querem saber das principais novidades do remake de Avatar: A Lenda de Aang da Netflix e das animações da Nickelodeon no Paramount+? Então, acompanhem-nos por aqui, na Streamings Brasil, e no YouTube!